KeepCalmDIY TV
set
29
Cult

Já anota aí na sua agenda: dias 01 e 02 de outubro vai acontecer em Curitiba um dos principais eventos de artesanato do Brasil!

Diferente de todos que você já pode ter visto, esse é especialmente focado nos criadores locais. Promovido pelo Elo7, o bazar contará com artistas locais e muita diversão nos dias.

Eu separei abaixo algumas imagens do Instagram do Elo7 só pra você pirar junto comigo com alguns produtos do site! Lá no Bazar terão mais de 500 produtos e 40 lojistas. Você tem também a opção de comprar os produtos dos lojistas que estarão lá no Bazar no site e pedir para retirar no Bazar. É uma forma de economizar com o frete!

elo7-bazar

Tudo muito lindo, né?!
A entrada do bazar é totalmente gratuita e você encontrará 40 marcas que produzem – em sua grande maioria – produtos feitos a mão. Além disso, também vão rolar muitas comidinhas e até DJ.

Captura de Tela 2016-09-29 às 08.26.13

Outra coisa que adorei, é que haverá oficinas criativas gratuitas para aprender a fazer pulseiras, filtro dos sonhos e mais vários outros objetos.

Captura de Tela 2016-09-29 às 08.33.16

Além de tudo isso, o local também contará com flash day tattoo, espaço kids e para pets.
Muito legal, né?!

Eu vou com certeza! Quero conferir tudo de perto. Vamos?! :)

Captura de Tela 2016-09-29 às 08.36.14

Confira mais informações sobre o evento no site:
http://bazar.elo7.com.br/12edicao

Tags:
Siga-me nas redes sociais!
jan
12
Happy Holi | Eu fui!
por Jessica Belcost
Cult

Aconteceu em Curitiba o Happy Holi, maior festival de música e cor do mundo, em que milhares de pessoas vestidas de branco se juntam e criam uma paleta humana de cores.

Rolou em várias cidades do Brasil em 2o14 e continua em 2015 também. Além disso, o festival acontece também em outros países. Foi muito divertido!!

happy-holi-tinta

Hoje vocês vão poder acompanhar de pertinho! :)

Sobre as roupas para ir nesse festival: Escolha alguma roupa que você não ficará preocupado se manchar e use alguma peça branca ou de cor clara. A ideia é que você se suje mesmo! As minhas roupas não ficaram manchadas e nem meu cabelo.

happy-holi-sujos

A tinta é na verdade um pó e você poderá comprar no próprio festival, assim como as bebidas. Em determinados momentos da festa é feita uma contagem e todos devem jogar para o alto ou nos amigos.

Eu indico! Se você também foi, conta a experiência aqui nos comentários!! :)

Tags: festa, festival, happy holi,
Siga-me nas redes sociais!
dez
05
#BusaoSemAbuso
por Jessica Belcost
Cult

A Prefeitura de Curitiba iniciou recentemente uma campanha contra o abuso dentro dos ônibus. Quando era mais nova, em uma das faculdades que frequentei, era preciso pegar 3 ônibus só para voltar. Minha frequência diminuiu com o uso do carro, mas eu sei que muitas mulheres ainda dependem desse meio de transporte.

capa=busao1

Eu fiz um vídeo explicando como funciona essa campanha. Todas as mulheres de Curitiba que se sentirem ofendidas, humilhadas ou em situação de perigo dentro de um ônibus podem ligar para o número 153.

Assista:

Para mais informações: http://www.curitiba.pr.gov.br/busaosemabuso

Tags: #vlogcuritiba, abuso em ônibus,
Siga-me nas redes sociais!
out
31
Cult

Na semana passada eu recebi um convite do pessoal da Bienal de Curitiba para acompanhar de perto a pré-produção dos figurinos, cabelo e maquiagem dos apresentadores do prêmio do Festival Internacional de Cinema da Bienal.

Serão mais de cem filmes exibidos até o dia 08 de novembro e a programação é gratuita!

festival-internacional-cinema-curitiba-bienal

Os atores passaram por uma transformação e escolhemos vários looks, mas o principal será usado somente hoje, dia 31 de outubro, data da premiação da Mostra Universitária Competitiva do Festival.
A festa será hoje às 19:30, no Cine Guarani, em Curitiba. Sintam-se todos convidados para curtir esse dia! :)

Para maiores informações sobre a programação do Festival, acesse: FICBIC.

Tags: cinema, festival de curitiba,
Siga-me nas redes sociais!
set
04
Cult

No vídeo de hoje nós temos um convidado especial! O Thiago topou participar de uma TAG que eu criei depois de assistir uma chinesa (ou japonesa) fazendo um vídeo similiar.

O vídeo consiste basicamente no seguinte: nós escolhemos uma palavra, que no nosso caso foi “comida”, e alguns idiomas diferentes para repetirmos a pronúncia. Depois, selecionamos uma frase em outras línguas. Agora, imagine a dificuldade em falar tudo isso em chinês, japonês ou polonês?!

capa-tag-linguas

Esperamos que você se divirta com o vídeo! Assista abaixo:

Não esqueça de se inscrever no canal para não perder nenhum vídeo! É só clicar AQUI! 

Tags: idiomas, keepcalmdiy tv, tag línguas, video,
Siga-me nas redes sociais!
jun
13
Cult
Ganhei esse livro de uma amiga. Um dia sugeri fazermos uma troquinha entre amigas, já que eu tinha vários produtos quase nunca usados e que poderiam fazer outras pessoas mais felizes.
Frequentemente eu separo roupas e cosméticos para doar. Começo perguntando pra minha mãe se ela quer alguma coisa, depois para algumas amigas íntimas e, por fim, para pessoas que vão fazer um uso melhor do que eu. Definitivamente, eu prefiro ter poucas coisas que use sempre, do que um armário ou penteadeira amontoados de coisas para fazer volume.
Num desses encontros, acabei ganhando de uma amiga um livro que ela disse que talvez eu gostasse. Ele estava novinho porque ela tinha comprado a versão dele em inglês e a versão em português veio junto de um kit.
O livro era “Lembra de mim?” de Sophie Kinsella.
Eu definitivamente estou por fora de leituras desse tipo há mais de 12 anos. Depois que descobri que (supostamente) ler resumos dos livros que os professores nos indicavam, resolviam meus problemas em uma prova, abandonei completamente o hábito de ler. Inclusive, nunca achei interessante ler uma história fictícia ou pensei que poderia acrescentar qualquer coisa na minha vida. Mas isso mudou.

 

sophie-kinsella-resenha

Não que eu não goste de ler. Eu adoro ler! Ler reportagens, matérias, blogs e histórias reais.

A autora tinha um nome familiar, mas não vi esse livro entre nenhuma modinha avassaladora como “A Culpa é da Estrelas” e, sim, eu não tenho saco pra seguir o que todo mundo faz, só porque “preciso estar inclusa em um meio social” então resolvi dar uma chance pra esse.

resenha-livro-sophie-kinsela

Confesso que comecei com certo receio já que todos os últimos livros que li nos últimos 10 anos, parei de ler antes do final, por mais interessante que o assunto fosse.

Hesitei por alguns dias até que decidi abrir a primeira página. De cara encontrei uma historinha boba, porém, com uma linguagem muito fácil de ler. Escrito em primeira pessoa, como se você mesmo pudesse se sentir como a Lexi, personagem principal do livro.

pagina-livro-resumo-sophie

A novidade pra mim foi que, mesmo a história sendo “boba”, cada capítulo me prendia para ler o próximo! Era como se você soubesse o que iria acontecer, mas na realidade em cada capítulo você era surpreendido com algo inusitado.

Sinopse: Lexi desperta em um leito de hospital após um acidente de carro, pensando que está em 2004, que tem 25 anos, uma aparência desleixada e um namoro desastroso. Mas, para sua surpresa, ela descobre que está em 2007, tem 28 anos, é chefe de seu departamento e sua aparência está impecável. E ainda é casada com um lindo milionário! Ela não pode acreditar na sorte que teve. Mas conforme ela descobre mais sobre a nova Lexi, nota problemas graves em sua vida perfeita. E, para completar, uma revelação bombástica pode ser sua única esperança de recuperar a memória.”

Esse é o grande problema de uma sinopse. Nenhuma me empolga. Se não fosse um presente, eu jamais compraria esse livro. Mas é completamente compreensível que não dê pra contar os momentos mais interessantes do livro em uma sinopse porque faria ele perder a graça. Então, será que a dica seria arriscar comprar um livro mesmo assim?!

No caso desse, sim. A trama é muito mais complexa e me arrancou várias risadas durante a leitura em pequenos momentos. Também me deixou entendiada na metade do livro onde ele simplesmente estagnou em enrolações sobre a falta de memória de Lexi.

Mas a cada noite que passava, antes de dormir, eu abria o livro para ler um capítulo, mas nunca parava em apenas um. Como eu disse, um capítulo te puxa para o próximo.

O livro tem 399 páginas e eu acabei ele nesse exato momento.
Antes que minha empolgação em falar sobre ele ficasse de lado, resolvi escrever esse post.

lembra-de-mim-resenha

Vamos agora, finalmente, ao meu breve resumo pessoal sobre o livro:

A leitura é extremamente fácil, com palavras comuns que usamos no dia-a-dia.
Encontrei 3 erros de digitação no meu livro, infelizmente.
Lexi é uma menina (mulher) com uma aparência não tão agradável ao seu próprio olhar e tem uma vida não muito feliz, até que tudo muda repentinamente quando ela acorda em um hospital.
Sua memória de 3 anos foi perdida depois de um acidente. Ela não se lembra de absolutamente nada que viveu nos últimos anos e é aí que a história começa a ficar interessante.
Em um primeiro momento, ainda que muito confusa, ela descobre que tem uma vida perfeita, que a antiga Lexi não existe mais. Ela está muito mais bonita e já é até casada com um homem bonito e rico, que diga-se de passagem, ela não faz ideia de quem seja. E sai do hospital pensando que tem uma vida completamente perfeita e luxuosa. Aos poucos o livro mostra que a vida de Lexi não é assim tão perfeita como ela pensava e nesse momento é que você quer ler mais e mais capítulos para descobrir junto dela o que ela perdeu nesses três anos.
Entre uma enrolação aqui e outra ali, Lexi desconfia que teve um amante, Jon e que na verdade não era assim tão feliz com o marido perfeito que achava ter. Descobre também que o pai não era assim tão bonzinho. Seu cargo de chefia numa empresa fica ameaçado pela falta de memória e pelas rasteiras de Byron, seu colega de trabalho. Ela perde suas 3 melhores amigas, mas no fim isso tudo muda.

Eu não posso estragar quem ficou interessado em ler o livro e contar o fim, né?!
Mas devo adiantar que as 3 últimas páginas são simplesmente frustrantes!Li até de madrugada, empolgadíssima para saber o final depois de muitos anos sem conseguir chegar até a última página de um livro e tive uma pequena decepção. Claro que entendi o final, que fica subentendido por quem leu o livro inteiro, mas a impressão é de que a autora simplesmente não sabia como terminar o livro e escreveu qualquer coisa no maior estilo: chega, cansei! Não aguento mais, esse vai ser o fim e pronto.Bem, ficou curiosa?! Procure alguma amiga(o)  que tenha o livro e peça emprestado. Vale a leitura pra distrair a cabeça e entrar um pouquinho no mundo de Lexi, mas prepare-se para um final não tão interessante assim.De qualquer modo, esse livro abriu meu campo de visão sobre histórias “não reais” e aceito sugestões para o próximo! Você tem algum livro legal pra me indicar? :)Um livro com uma história suave e gostosa de ler pode instigar a leitura de outros livros. Então, fica a dica!
Alguém mais já leu?! 
Tags: cult, Girly, lembra de mim?, livro, resenha de livro, sophie kinsella,
Siga-me nas redes sociais!
fev
17
Cult
Em um dos meus últimos vídeos eu mostrei meu computador novo e perguntei se alguém gostaria de ver uma espécie de comparação de computadores e muitas pessoas disseram que sim.
Por isso, no domingo foi ao ar no KeepCalmDIY TV um review de três computadores da Apple.
Veja a imagem animada abaixo sem som:
No vídeo eu mostro um pouco de cada um dos três computadores, sendo que cada um deles é de uma geração diferente.
Mostro de forma leiga o máximo de detalhes possíveis do Macbook WhiteMacbook Pro e Macbook Pro Retina, como as diferenças entre os tamanhos, a qualidade de tela e de som.
Assista abaixo o vídeo:
 
Siga-me nas redes sociais:

YOUTUBE  FACEBOOK  VLOG  PINTEREST • INSTAGRAM

Tags: comparação de computadores apple, Macbook, resenha, review, video,
Siga-me nas redes sociais!
dez
04
Cult

Quem nunca ficou em dúvida sobre como pronunciar uma marca que atire a primeira bolsa pedra!

Sempre tem alguma que mais tarde descobrimos que estávamos pronunciando de forma totalmente equivocada. Outras, de tanto ouvirmos da maneira correta, não importa quão diferente seja sua escrita, o som já está gravado em nossa mente.
Hoje você vai aprender a forma correta de pronunciar as marcas mais famosas.

O tumblr #Comofala, criado pelo publicitário Gustavo Asth, traz uma proposta muito legal. Através de uma imagem bastante semelhante da original, ele mostra como seria se as marcas fossem escritas da maneira que a gente fala.
Confesso que a pronúncia de L’Occitane não é novidade pra mim e provavelmente pra várias pessoas também. Sempre escutei as próprias vendedoras falando: “locsitan”.
Mas sua escrita é diferente do que estamos acostumados, então claro que é fácil ficar em dúvida!
Eu já vi algumas vezes no Youtube, meninas preferindo não pronunciar a palavra e completando suas frases com: “Ah gente, eu não sei como fala”.
É fácil, esqueça a escrita correta e foque no modo como deve ser pronunciado. Assim, quando visualizar a escrita original, saberá dizer o nome sem medo!
Cristian Louboutin, designer francês dos famosos calçados de solado vermelho, esse sim sempre me deixou em dúvida!

Seria “Lobotã? Laubotin?” 
Segundo o criador do Tumblr, devemos pronunciar “Lubutã”.

Quando morei fora, um canadense me disse que a pronúncia correta da marca é “Tômy Rifíger”.
Segundo Gustavo, o correto é “Tômy Rílfiger”. Na dúvida, o mais fácil é ficar somente no primeiro nome.
Yves Saint Laurent também é do tipo que escuto do modo correto desde sempre.
É até estranho se pararmos pra reparar na forma como é escrito e como é sua pronúncia, né?!
Por isso, acho que a melhor forma para aprender, é primeiro saber sua pronúncia e em seguida como é escrita a palavra. Dessa forma, pode confundir menos.
Por fim, a marca da minha câmera, Canon.

No Tumblr #Comofala tem mais várias outras marcas. Além de nos ajudar, ainda é bem curioso ver essas palavras de modo tão “abrasileirado”. Vale a visita!

 
Encontre-me:

YOUTUBE • FACEBOOK • VLOG • PINTEREST • INSTAGRAM

Tags: como pronunciar marcas famosas, curiosidades, Girly,
Siga-me nas redes sociais!
set
28
Cult
Acabei de ver uma publicação do Perek (Garoto de Grife) no facebook e adorei!Trata-se de um joguinho que ajuda a evitarmos os erros comuns da língua portuguesa.
Não sei se já comentei antes, mas minhas matérias preferidas na escola sempre foram português e matemática.

Por escrever diariamente no blog, às vezes eu também fico em dúvida, então o Google e o Aurélio são bons amigos, mas também não estou livre de cometer erros. Vamos relembrar algumas regrinhas brincando?!

Basta acessar esse site e clicar em “jogar”. Logo depois você poderá escolher qual nível quer.

Eu escolhi o nível 5 e acertei 19 das 20 questões, mas confesso que tive sorte em algumas.
Fiquei um pouco em dúvida em algumas expressões que estou acostumada a ouvir da forma errada.

Como eu achei que o site desmotiva colocando uma carinha triste, eu dei para o meu bonequinho uma boquinha feliz na hora de fazer a montagem para o post! haha
Poxa, 95% é uma média boa, né?! Mas tudo bem, não vou desanimar, um dia chego em 100%.

Esse jogo é o “Jogo dos 100 erros de português” e está hospedado no site Educar para Crescer da Editora Abril.
Clicando aqui você encontra vários outros joguinhos.

Que tal trocar o tal do Candy Crush nesse final de semana?! ;)
Encontre-me também nas redes sociais:
YOUTUBE • FACEBOOK • VLOG • PINTEREST
@JessicaKeepCalm
Tags: dica, dicas de português, gramática,
Siga-me nas redes sociais!
Sobre
Jessica Belcost
Último Vídeo

@Jessicabelcost

Publicidade

vitaclin banner

kipling



Caixa Postal
Número: 21 512
CEP: 80420982
CURITIBA-PR

LINK O KEEP CALM EM SEU SITE

Youtube Facebook Pinterest Instagram Vlog 
PARA UTILIZAÇÃO DA IMAGEM, DÚVIDAS OU APONTAMENTOS ENTRE EM CONTATO CONOSCO ATRAVÉS DO E-MAIL CONTATO@KEEPCALMDIY.COM © 2014 - Todos os direitos reservados - KEEP CALM AND DIY